Pilates e as Doenças Cardiovasculares. Saiba como o método atua nesses casos.

#doençascardiovasculares #doençasdocoração #cardiacos #pilatesexdoençascardiovasculares


Você sabia que de acordo com a Diretriz Brasileira de Prevenção Cardiovascular, a epidemiologia das doenças cardiovasculares neste início de século, possui comportamento semelhante as grandes epidemias dos séculos passados?


As doenças cardiovasculares são responsáveis pela maior causa de mortalidade no Brasil e é a principal causa de internação hospitalar pelo SUS, correspondendo a 22% das internações.


Isto pode ser devido ao fato de que a população idosa está em crescente aumento e que nos últimos anos têm crescido a prevalência de fatores de risco.


Os fatores genéticos, metabólicos e estilo de vida, principalmente relacionadas à atividade física e hábitos alimentares, têm sido as causas mais pesquisadas.


Alguns fatores de risco das doenças cardiovasculares:

  • Estresse

  • Histórico familiar com doença cardiovascular

  • Sexo masculino (acima de 45 anos) e sexo feminino (acima de 55 anos)

  • Tabagismo

  • Diabete mellitus (tipo 2)

  • Obesidade

  • Sedentarismo

  • Maus hábitos alimentares


A literatura demonstra que a prática regular de exercícios físicos é fator relevante na prevenção primária dessas doenças. Logo, um estilo de vida ativo pode reduzir a incidência de morte prematura e diminuir o risco de doenças cardiovasculares.


Um programa de condicionamento físico é capaz de elevar o consumo de oxigênio acima dos níveis de repouso, ou seja, tem o sistema cardiorrespiratório como determinante.


E também pode ser composto por exercícios de caráter resistido, trabalhando fortalecimento muscular, proporcionando aos músculos capacidade para suportar o esforço contínuo contra uma resistência externa.


Um exemplo de atividade física que envolve exercícios resistidos é o Método Pilates.

É importante lembrar que para que o Pilates seja realizado com segurança, deve-se respeitar a individualidade dos pacientes, levando em consideração a doença de base, a condição clínica e outras doenças associadas.


Alguns dos benefícios do Pilates para portadores de doenças cardiovasculares:

  • Vasodilatação arterial

  • Redução nos níveis de pressão diastólica e sistólica (Diminuição da pressão arterial)

  • Melhora tônus muscular

  • Redução da porcentagem de gordura corporal

  • Gasto energético considerável, com consequente alteração no metabolismo celular

  • Aptidão física

  • Melhora da metabolização dos carboidratos e da oxidação de gorduras, reduzindo os níveis de lipídeos circulantes e intramusculares, melhorando a sensibilidade à insulina, prevenindo assim, o desenvolvimento de Diabetes Mellitus tipo 2.

Participar de atividades corporais de forma regular tem sido aconselhado por profissionais da área da saúde, pois tem como benefícios o bem-estar físico, psíquico e social, além de prevenir, controlar e curar doenças cardiovasculares.


O Pilates é um método de condicionamento físico que integra o corpo e a mente, restaura o corpo, elimina as dores musculares, amplia a capacidade de executar movimentos, aumentando o controle, a força, o equilíbrio muscular e a consciência corporal.


Até a próxima!



Autora:


Dra. Francieli Mortari da Silveira


CREFITO 250448-F


Fisioterapeuta, pós graduanda em Terapias Manuais e Instrutora de Pilates no Zentrum Pilates e Bem-estar, Brusque/SC.

http://bit.ly/MandarWhatsappZentrum

Brusque, Santa Catarina   |  zentrumpilatesebemestar@gmail.com   | (47) 3350-2743  |  (47) 99925- 3479

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon

2017 - Criado por Zentrum Pilates e Bem-estar.